Abertura do Salão atrai novos parceiros em Jericoacoara

Abertura do Salão atrai novos parceiros em Jericoacoara

O primeiro dia do 3º Salão de Turismo Rota das Emoções reuniu muitos participantes, que vieram dos três estados do roteiro, além de profissionais e estudantes vindos do Pará, Pernambuco e São Paulo, a fim de compartilhar experiências e trocar conhecimentos.

Logo pela manhã, os representantes da Associação Brasileira de Turismólogos e Profissionais do Turismo iniciaram o Fórum de Turismólogos da Rota das Emoções, que debateu sobre o papel do profissional do turismo e da regulamentação da profissão. No mesmo horário, consultores do Sebrae visitaram alguns hotéis e pousadas da cidade para avaliar as práticas de sustentabilidade nos estabelecimentos.

À tarde, foi a vez de discutir a condução de trilhas, manejos e impactos ambientais dos municípios da Rota das Emoções, assim como os benefícios e conflitos das unidades de conservação ambiental existentes nas regiões. O Roteiro Complementar do Pólo Munim, do Maranhão, que também se beneficia da natureza em seus atrativos turísticos, apresentou o projeto unificado dos municípios que compõe o roteiro.

A gastronomia também esteve em pauta. Os participantes puderam conhecer técnicas de como utilizar melhor os ingredientes, respeitando a cultura de cada localidade. Mais tarde, a filosofia do Slow Food foi apresentada. O movimento dos amantes da gastronomia mostrou como a relação entre produtores e consumidores garante um alimento de qualidade e fresco, sem o uso de conservantes e agrotóxicos.

Para encerrar a noite, os prefeitos e representantes dos 14 municípios da Rota das Emoções abriram oficialmente o evento, ao lado de apresentações de grupos de quadrilha do Ceará e Piauí.